Jogadores emprestados voltam para o São Paulo que pensa em aproveitar

Com o Campeonato Brasileiro chegando ao fim no meio desta semana, o São Paulo enfim pode se dedicar ao seu planejamento visando a próxima temporada. Com o título inédito da Copa do Brasil, o clube voltará a disputar a Copa Libertadores da América após longos três anos e já sonha com o tetracampeonato da maior competição do continente.

Para isso, o elenco comandado por Dorival Jr. passará por uma pequena reformulação. Nomes como Felipe Alves, Erison, Marcos Paulo e David devem ser devolvidos para seus respectivos clubes após empréstimos frustrados, já outros como Alexandre Pato, Jhegson Méndez e Raí Ramos não permanecerão no Morumbi.

Atento ao mercado em busca de oportunidades para reforçar o grupo, a diretoria do São Paulo também trabalha com a possibilidade de retornos inesperados de atletas vinculados ao clube. Dois deles devem retornar ao CT da Barra Funda já em janeiro para passar por uma avaliação junto à comissão técnica: Nikão e Thiago Couto.

O primeiro, mesmo não apresentando bom rendimento em seu empréstimo ao Cruzeiro, conta com a admiração de Dorival Jr. e tem boas chances de ser reintegrado ao elenco são-paulino. Já o segundo, dono de bons números com a camisa do Juventude, tem um leque de interessados para a próxima janela e tende a ser negociado.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Além da dupla, o São Paulo tem outros dois jogadores emprestados: o volante Liziero, cedido ao Yverdon-Sport, da Suíça, e o lateral-direito Orejuela, hoje defendendo as cores do Independiente Medellín, da Colômbia. Inicialmente retornando ao Tricolor em junho do próximo ano, os dois são considerados cartas fora do baralho.

Por fim, se curtiu a matéria não deixe de acessar com frequência o Portal do São Paulino.