Jogador do São Paulo é apontado como especialista em sofrer pênaltis

Um curioso levantamente realizado pela equipe do Espião Estatístico, do portal ge.globo, apontou os jogadores que mais sofreram pênaltis desde a temporada de 2015 no futebol brasileiro. Ao todo, mais de 2400 penalidades foram identificadas e definiram que o atacante Marinho, hoje no Fortaleza, é o líder na estatística.

Ao todo, o jogador sofreu 21 pênaltis assinalados pela arbitragem nos últimos dez anos: um pelo Cruzeiro, um pelo Grêmio, dois pelo Flamengo, três pelo Vitória, quatro pelo Fortaleza e dez pelo Santos. Quem mais chegou próximo dos números de Marinho foi o meia Arrascaeta, que sofreu 17 penalidades por Cruzeiro e Flamengo.

Dono de passagem pelo São Paulo entre 2016 e 2017, o atacante Gilberto completa o curioso pódio com 14 pênaltis sofridos, sendo dois pelo Vasco da Gama, outros dois pelo Tricolor e mais dez pelo Bahia. Logo abaixo, um atleta do atual elenco são-paulino aparece com 13 infrações sofridas: o meia/volante Alisson.

Nome importante na última temporada, o jogador de 30 anos somou 13 penalidades sofridas e divide a quarta colocação da estatística com Dudu, do Palmeiras, e William Pottker, ex-Internacional e Cruzeiro. A lista do Espião Estatístico ainda conta com outros atletas com passagem pelo São Paulo como Diego Souza e Nenê.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Veja os jogadores que mais sofreram pênaltis no período

Penaltis ge 1
Créditos: Espião Estatístico ge.globo

Por fim, se curtiu a matéria não deixe de acessar com frequência o Portal do São Paulino.