Janela de transferências mal fechou e São Paulo já tem nova data para trazer reforços

A janela de transferências do futebol brasileiro se encerrou nesta quinta-feira (7). O São Paulo aproveitou o período e contratou alguns nomes que reforçaram a equipe comandada pelo técnico Thiago Carpini, como Bobadilla, Luiz Gustavo, Erick, Ferreirinha e André Silva.

Mesmo assim, a diretoria já está de olho em novas contratações daqui a menos de um mês, já que os clubes poderão assinar com atletas, desde que tenham disputado o Estadual por outra equipe.

Pelo menos é o que garante o Art. 33 §3º alínea “c” do Regulamento Nacional de Registro e Transferência de Atletas de Futebol. O período para inscrição de jogadores que tenham jogado o Estadual por outro clubes é do dia 1° a 19 de abril. A iniciativa foi realizada para permitir as transferências dos jogadores que se destacaram em equipes de menor porte, sem  prejudicar a campanha de seus times. 

Segundo o RNRTAF ( Regulamentos de Registro e Transferência), a transferência só pode ser concluída neste período caso “a rescisão por mútuo acordo ou o encerramento do contrato especial de trabalho desportivo (inclusive de empréstimo) com o clube anterior, ou a cessão temporária, ocorrida(o) entre os dias 01/04 a 19/04/2024, sendo que, nesses casos, a solicitação de transferência deve ser concluída no SNR até o dia 19/04/2024. O atleta em questão necessariamente deve ter participado do Campeonato Estadual de 2024”.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Tricolor pode se reforçar em breve

Mesmo assim, o São Paulo não deve garantir nenhuma nova contratação específica para a Libertadores da América, já que o prazo de inscrição de cinco atletas para a fase de grupos é até o dia 29 de março.

Contudo, a diretoria pode aproveitar o mês de abril para contratar novos jogadores visando o Campeonato Brasileiro e a Copa do Brasil. No caso do primeiro torneio, o prazo é válido até 20 de setembro, enquanto o segundo é no dia 9 de setembro. Vale destacar que a janela de transferências abre novamente de 10 de julho a 2 de setembro, desta vez sem restrições.