James Rodríguez não quis saber que Daniel Alves estava preso e saiu com a sua esposa

Grande assunto dos bastidores são-paulinos desde a inédita conquista da Supercopa do Brasil no início do mês, o meia James Rodríguez permanece treinando no CT da Barra Funda mesmo pedindo para deixar o clube após somar escassas oportunidades desde sua chegada ao clube em agosto do ano passado.

  • Você quer fazer apostas em futebol com alta taxa de acerto e ganhar dinheiro usando apenas 2 minutos do seu dia? Nós enviamos dicas gratuitas no WhatsApp. Participe do grupo aqui!

Grande contratação do Tricolor na última temporada, James acumulou apenas 14 participações com a camisa do São Paulo, anotando um gol e três assistências no período. Longe de sua melhor forma física, o astro não correspondeu dentro de campo. E acumulou polêmicas fora dele. Entre elas um suposto envolvimento com a esposa de Daniel Alves.

O encontro foi publicado pela própria Joana Sanz em suas redes sociais e provocou burburinho entre torcedores do São Paulo. Tudo porque Daniel Alves, hoje preso na Espanha acusado de agressão sexual a uma mulher de 23 anos, se tornou “persona non grata” no Morumbi após sua conturbada passagem pelo clube entre 2019 e 2021.

Muitos celebraram o fato de que, possivelmente, Joana já havia deixado o casamento com o lateral para trás e encontrado um suposto novo caso dentro do futebol. Cerca de um mês depois, o destino tratou de colocar James, Daniel Alves e São Paulo novamente “juntos” com o surpreendente acerto do meia com o Tricolor à época.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

“Obrigado, James, pela recepção em seu lindo país, que energia linda. Muito sucesso com o seu café. Vou levar a mala com o cheirinho rico do café colombiano”, disse a modelo na época. Segundo informações de portais espanhóis, Daniel Alves não recebeu muito bem a notícia do encontro entre sua esposa e o astro colombiano.

Por fim, se curtiu a matéria não deixe de acessar com frequência o Portal do São Paulino.