James Rodríguez foi convencido a não rescindir com o São Paulo

James Rodríguez foi contratado pelo São Paulo ainda no final de julho do ano passado, e chegou à capital paulista sob grandes expectativas. O atleta de 32 anos fez uma boa carreira na Europa, atuando nos maiores times do continente, como Real Madrid, da Espanha, e Bayern de Munique, da Alemanha.

Contudo, a passagem do colombiano pelo Tricolor não saiu do jeito que todos esperavam. O atleta entrou em campo em apenas 14 oportunidades, acumulando um gol marcado e três assistências distribuídas. 

A falta de oportunidades irritava o atleta, que queria entrar mais em campo. Contudo, nem Dorival Júnior nem Thiago Carpini pareciam dispostos a montarem um esquema apenas para colocá-lo em campo.

Por sinal, a insatisfação de James durava desde o ano passado, quando pediu três vezes por uma rescisão amigável de contrato com a diretoria.  Ele acabou sendo convidado a ficar nessas oportunidades, até que o quarto pedido para ir embora chegou na mesa da cúpula, que aceitou. A informação foi divulgada inicialmente pelo jornalista André Plihal, da ESPN.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

James deve abrir mão do restante de seu salário para rescindir com o clube. Contudo, ele ainda quer receber os bônus em luvas prometidos pelo SPFC ao longo do contrato, válido até o meio de 2025.

Futuro de James

O atleta segue treinando no CT da Barra Funda enquanto seu staff finaliza a rescisão de contrato junto a diretoria. Ele não foi e não será inscrito no Campeonato Paulista, já que sua saída é praticamente certa.

Seu próximo clube ainda é um mistério, mas já deve ter recebido sondagens de diferentes clubes. O destino mais provável de James deve ser os Estados Unidos, já que sua família mora no país.