Irritou Muricy e agora pode eliminar o Santos do Paulistão 2024

Considerado por muitos como o principal estadual do futebol brasileiro, o Campeonato Paulista reserva grandes emoções para este final de semana com o início de seu aguardado mata-mata. Palmeiras, Ponte Preta, RB Bragantino, Inter de Limeira, São Paulo, Novorizontino, Santos e Portuguesa brigarão por vagas nas semifinais.

E a noite de domingo, dia 17, ainda guarda um curioso reencontro na Vila Belmiro entre o Santos, dono da segunda melhor campanha na primeira fase, e o atacante Victor Andrade, destaque da Portuguesa e formado nas divisões de base do Peixe. Buscando surpreender o ex-clube, o jogador revelou detalhes de sua carreira ao ge.globo.

Chamado de “novo Neymar” quando foi alçado aos profissionais em 2012, Victor disse que deixou para trás a fama de marrento que carregava no Santos: “Falavam que eu era problemático, falavam do meu extracampo, isso aí não sei de onde tiraram. Criou-se essa imagem não sei de onde. A gente vive em meio a muita fake news”.

A fama negativa ficou ainda mais evidente após Muricy Ramalho, então técnico do Peixe, cobrar publicamente o atleta para que ele fosse “mais humilde”. Revendo a fala do hoje diretor do São Paulo, Victor acredita que faltou cuidado do comandante com um jovem de apenas 16 anos que ainda despontava no futebol.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

“Muricy sempre trabalhou com jogador pronto, é um grande treinador, que ganhou tudo, sou eternamente grato. Mas acho que faltou cuidado, faltou ele saber lidar com a situação, não só comigo, mas com outros também. Mas nunca foi intencional, era o jeito dele. Eu era muito impulsivo também, fui aprendendo com o tempo”, afirmou.

Por fim, se curtiu a matéria não deixe de acessar com frequência o Portal do São Paulino.