Irmão de Casemiro faz relato emocionante sobre a infância do jogador

Uma das muitas crias de Cotia que saíram do São Paulo para conquistar o futebol europeu, o volante Casemiro não teve uma infância nada fácil na cidade de São José dos Campos. Em entrevista no ano de 2016, Lucas, seu irmão mais novo, revelou que o jogador teve de amadurecer rapidamente após seu pai abandonar a família.

“Ele sempre foi muito quietinho, muito reservado. Faz pouco tempo que ele falou que, quando ia para os jogos, via os pais com os filhos torcendo por eles e pensava: ‘Nossa, por que meu pai não está aqui?’. Eu acho que foi uma época muito difícil. Ele não tinha a presença de um homem. Era eu, ele, minha irmã e nossa mãe”, revelou.

Bruno dos Anjos, amigo de infância e que atuou com Casemiro ainda na base do São Paulo, foi ainda mais longe e revelou que o volante se tornou “chefe de família” ainda muito novo. Segundo ele, a ausência do pai ajudou a moldar o caráter de Casemiro.

“Ele falava: ‘tenho que ser pé no freio. Já que eu sou o pai, eu tenho que traçar um caminho que é mais difícil. Não posso só me agradar, tenho que seguir meu sonho, mas tenho uma família atrás de mim por quem vou lutar com unhas e dentes. Lá em casa sou o pai da família, a última palavra é sempre a minha”, disse o amigo.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Relembre a passagem de Casemiro pelo São Paulo

Atualmente no Manchester United, da Inglaterra, Casemiro teve conturbada passagem pelo São Paulo e conviveu com críticas da torcida. O volante foi vendido em 2013 ao Real Madrid, por onde conquistou inúmeros títulos. Pelo Tricolor, foram 111 partidas, 11 gols marcados e a conquista da Copa Sul-Americana em 2012.

  • Estreia: 25/07/2010 – Santos 1 x 0 São Paulo – Campeonato Brasileiro
  • Despedida: 30/01/2013 – Bolívar 4 x 3 São Paulo – Libertadores
  • Títulos: Copa São Paulo de Futebol Jr. 2010 e Copa Sul-Americana 2012

Por fim, se curtiu a matéria não deixe de acessar com frequência o Portal do São Paulino.