Guardiola se manifestou sobre Vinicius Jr e deu declaração surpreendente sobre a Espanha

Um dos assuntos que certamente devem ser mais discutidos é em relação ao racismo no futebol. Atualmente, um dos maiores nomes na luta contra o preconceito é o brasileiro Vinícius Júnior, estrela do Real Madrid. Diversos nomes já se pronunciaram sobre os casos, inclusive o técnico Pep Guardiola, atual vencedor da Liga dos Campeões como Manchester City.

“Temos que aceitar a diversidade como ser humano, mas neste momento estamos muito longe disso. Não estou tão otimista, principalmente conhecendo a Espanha, que isso vá acontecer… Há muitos negros se apresentando para defender o que não deveriam defender. Vamos torcer para que a justiça o faça”, afirmou, ainda em maio do ano passado.

Um dos ataques racistas direcionados à Vini Júnior que mais repercutiram no mundo foi na partida contra o Valencia. Na ocasião, diversos torcedores valencianos chamaram o brasuliro de “mono” (macaco, na tradução livre), além de fazerem sons referentes ao animal. 

Na visão de Guardiola, as autoridades do Campeonato Espanhol (La Liga) deveriam se espelhar no modelo da Premier League (Campeonato Inglês) no combate ao racismo. A liga inglesa não costuma registrar casos de preconceito em suas partidas. Caso haja algum acontecimento, o torcedor certamente é punido de forma severa.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

 “Eles deveriam aprender (LaLiga com a Premier League). Aqui eles são muito rigorosos. Eles sabem o que têm que fazer. É um problema em todo lugar… não só na Espanha com Vinícius Junior”, concluiu o treinador do Manchester City.