Grupo do Manchester City entra na jogada e São Paulo pode faturar

O zagueiro de 26 anos, Lyanco, que pertence ao Southampton, da Inglaterra, e está atualmente emprestado ao Al Gharafa, do Qatar, recebeu uma proposta do Bahia, como relatado pela GOAL. No entanto, o jogador optou por rejeitar a oferta, expressando seu desejo de completar a temporada no futebol catariano antes de definir seu futuro.

A oferta do Bahia era para adquirir o defensor no mercado da bola, mas os detalhes financeiros não foram divulgados, uma vez que as negociações não progrediram significativamente. Lyanco contava com a aprovação do técnico do Bahia, Rogério Ceni, com quem trabalhou no São Paulo em 2015.

Dois anos depois, Ceni foi treinador do zagueiro no mesmo clube paulista, até sua transferência para o Torino, da Itália, por € 6 milhões (R$ 20 milhões à época), além de € 2 milhões (R$ 6,6 milhões na ocasião) condicionados a metas.

Por que saiu?

Alvo de diversas especulações durante o mercado de transferências, o zagueiro Lyanco escolheu deixar o Southampton, da Inglaterra, na última janela e acertou um empréstimo com o Al-Gharafa, do Catar. O atleta, criado nas categorias de base de Cotia, ficará emprestado por uma temporada. Lyanco possui contrato vigente com o Southampton até a metade de 2025.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Apesar de ter recebido sondagens de clubes turcos e ter vitrine para jogar em outras equipes europeias, a negociação não avançou, e o futebol do Catar emergiu como uma boa opção.

O zagueiro também despertou interesse do Vasco da Gama, que chegou a negociar com o clube inglês pelo jogador. No entanto, o acordo enfrentou impasses de ordem econômica, levando o clube brasileiro a desistir do negócio.