5 maiores presidentes do São Paulo: Relembre feitos e títulos

Imagem: Portal do São Paulino
0

Cícero Pompeu de Toledo (1947 a 1958)

Cícero Pompeu de Toledo foi eleito presidente do São Paulo Futebol Clube em 1947, foi um dos idealizadores e incentivou com dedicação o andamento do projeto e construção do Estádio Morumbi, inaugurado em 1960. Pelo tricolor paulista, o eterno presidente conquistou quatro vezes o Campeonato Paulista, em 1948, 1949, 1953 e 1957.

Laudo Natel (1958 a 1971)

Laudo Natel foi amplamente conhecido pela gestão eficiente do clube nos anos em que ocupou o cargo de presidente do São Paulo Futebol Clube, quando movimentou recursos para viabilizar a construção do Estádio do Morumbi. Foi tesoureiro do clube em 1952, mais tarde se tornou diretor financeiro e por último, presidente da instituição. Foi eleito em 1958 e permaneceu até 1971 na presidência. 

Juvenal Juvêncio (1988 a 1990, 2006 a 2014)

No aspecto das conquistas do clube, Juvenal Juvêncio foi um dos mais vitoriosos que já presidiram o São Paulo Futebol Clube. Durante as duas passagens pela presidência, Juvenal conquistou o tricampeonato do Brasileirão em 2006, 2007 e 2008, a Copa Sul-Americana 2012 e o Campeonato Paulista 1989.

José Eduardo Mesquita Pimenta (1990 a 1994)

José Eduardo Mesquita Pimenta teve ótimo aproveitamento no seu mandato como presidente do São Paulo a partir do momento em que assumiu o cargo em 1990. Fez investimentos, apostou na contratação de jogadores e conquistou o Mundial Interclubes em 1992 e 1993, a Libertadores em 1992 e 1993, a Recopa Sul-Americana em 1993 e 1994, o Paulista de 1991 e 1992, o Campeonato Brasileiro de 1991 e a Supercopa Sul-Americana de 1993.

Marcelo Portugal Gouvêa (2002 a 2006)

Marcelo Portugal Gouvêa foi presidente do clube de 2002 a 2006, e assim como José Eduardo Mesquita Pimenta, conquistou grandes títulos e prestígio como presidente em quatro anos de mandato. Conquistou títulos como o Mundial de Clubes FIFA de 2005, a Copa Libertadores da América de 2005, o Campeonato Paulista de 2005 e o Supercampeonato Paulista de 2002.