Goleiro Bruno tentou se aventurar em nova profissão e não aguentou a pressão

Ex-goleiro do Flamengo, Bruno Fernandes, que chocou o Brasil por conta do assassinato de Eliza Samúdio, tentou ingessar em uma nova profissão. Durante uma live realizada em 2021, o ex-jogador mostrou operações financeiras na plataforma IQ Option. Vale lembrar que a empresa foi proibida no Brasil em 2020.

Entretanto, a carreira como day trader não foi para a frente. Bruno teria dito que havia ganhado dinheiro com a plataforma, mas seu empresário revelou que ele atuava em um simulador.  A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) reiterou, na época, que a plataforma do Caribe era ilegal em territorio brasileiro.

A aventura de Bruno no mercado financeiro teve vida curta, e ele abandonou a carreira para se dedicar ao futebol. Na época, fechou um contrato com o Atlético Carioca, e até chegou a atuar em algumas partidas.

Em entrevista ao canal Nação Urubu 81, o ex-goleiro do Flamengo comentou que passou por dificuldades no mercado financeiro, muito por conta da instabilidade diária dentro da profissão e no mercado.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

“A questão do trader, o mercado financeiro é muito difícil para ter uma sequência. É complicado. Tem dias que está bom, tem dias que está ruim, você precisa estar com tempo e com a cabeça boa para fazer algumas operações. 70%, 80% é psicológico, mas como ficar com o psicológico bom se toda hora eu tenho uma preocupação?”, disse Bruno.