Gabriel Neves vai cumprir suspensão no Brasileirão após vermelho na final?

Uma cena para lá de curiosa chamou a atenção dos torcedores são-paulinos no apito final da grande decisão da Copa do Brasil. Aos 54 minutos, o volante Gabriel Neves acabou expulso por Bráulio da Silva Machado após se negar a dar a bola da partida nas mãos do árbitro e jogá-la para os céus do Morumbi segundos antes do real término da decisão.

Sem pensar duas vezes, Bráulio puxou o cartão vermelho e o apresentou ao uruguaio para, imediatamente depois, encerrar o encontro que definiu o inédito título da Copa do Brasil para o São Paulo. Pouco ligando para a expulsão, Gabriel Neves correu para celebrar com seus companheiros o seu primeiro troféu com a camisa do Tricolor. Confira:

O icônico momento, é claro, não passou desapercebido nas redes sociais, com boa parte da torcida do Tricolor tratando de eternizar o momento. Mas uma pergunta também surgiu: estará Gabriel Neves suspenso para a próxima partida válida pelo Campeonato Brasileiro?

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

A resposta, segundo o Artigo 62 do Regulamento Geral de Competições da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) é não: “Se ao final de uma competição restar pendente penalidade de suspensão por partida aplicada ao atleta pelo STJD, seu cumprimento dar-se-á, obrigatoriamente, na primeira partida de competição subsequente”.

Assim, Gabriel Neves só terá de cumprir suspensão dentro do Brasileirão caso o STJD o puna em um julgamento que será realizado após o próximo compromisso do São Paulo na competição. Com isso, o uruguaio estará à disposição do técnico Dorival Jr. para a partida da próxima quarta-feira, dia 27, contra o Coritiba no Morumbi.

Por fim, se curtiu a matéria não deixe de acessar com frequência o Portal do São Paulino.