Fracassou no São Paulo e agora fechou com time em crise

Nos últimos anos, diversos jogadores passaram pelo São Paulo. Alguns tiveram sucesso enquanto outros foram esuweicods com o tempo. Um deles é o lateral-direito Régis, que fez parte da equipe em 2018, quando o time comandado por Diego Aguirre chegou a  brigar pelo Campeonato Brasileiro.

O Nação foi muito bem na última rodada do Campeonato Catarinense, ao vencer o Brusque por 1 a 0. A tendência é que o jogador receba cada vez mais oportunidades no clube.

O atleta, que atualmente tem 34 anos de idade, foi anunciado como reforço do Nação Araquari. A informação foi divulgada pelo portal Globo Esporte. Além do SPFC, ele acumula passagens por grandes times conhecidos do futebol brasileiro, tais como Botafogo, Bahia e Ponte Preta.

Como dito anteriormente, ele defendeu o Tricolor em 2018, alcançando o auge de sua carreira. Contudo, teve o contrato encerrado após problemas com drogas. O jogador admitiu os problemas que teve e se mostrou arrependido, já que vivia a grande oportunidade de sua vida.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Régis passou diversos problemas pessoais

Ainda em outubro de 2018, ele foi detido pela Polícia Militar após invadir um apartamento de um vizinho, no Distrito Federal. Em fevereiro do ano seguinte, foi preso depois de brigar em um hotel em Maceió. Um mês depois, novamente foi detido depois de dirigir embriagado em Sorocaba, além do porte de drogas e resistência à prisão.

O último problema do atleta foi em julho de 2023, quando foi preso, em Corrente, Piauí, por tentativa de homicídio. Ele esfaqueou o próprio irmão em um quarto de hotel após discussão mais acalorada. Foi solto um dia depois e respondeu em liberdade provisória