Foi apontado como dono do São Paulo, comprou outro time e fez a pior campanha

Torcedor fanático do São Paulo, o empresárrio Roberto Justus é um dos sócios e atual conselheiro da Treecorp Investimentos, empresa que adquiriu 90% da SAF do Coritiba. Segundo a promessa dos dirigentes, está previsto um investimento de R$ 1,1 bilhão nos próximos 10 anos.

Justus vem acompanhando a sua mais nova equipe de perto, e tem marcado presença no Couto Pereira para assistir as partidas de perto. Apesar disso, o “manda chuva” da SAF é Bruno Levi D’Ancona, junto a Calor Amodeo como CEO e Artur Moraes exercendo o cargo de executivo de futebol.

A Treecorp foi fundada de forma oficial em 2010, e já tem 11 empresas no seu portfólio. Por outro lado, Justus virou sócio há dois anos.

Entretanto, dinheiro não é sinônimo de sucesso em muitas ocasiões. Isso se reflete na situação do Coritiba neste Campeonato Brasileiro. Após perder por 3 a 1 para o Corinthians, no último domingo (13), em Itaquera, a equipe encerrou seu pior primeiro turno na história dos pontos corridos. O clube é o atual 18° colocado no Brasileiro, com somente 14 pontos.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Desempenho do Coritiba é preocupante

O Alviverde da capital paranaense possui apenas três vitórias no torneio nacional, além de cinco empates e 11 derrotas.  São 18 gols marcados e 36 sofridos. Nos últimos cinco jogos, venceu somente um, perdeu três e empatou outro.

Até agora,a  pior campanha do Coritiba nos pontos corridos tinha sido em 2014, quando atingiu 17 pontos no fechamento do primeiro turno, ocupando a mesma posição que a atual na tabela de classificação. Apesar do péssimo começo, reagiu na reta final e escapou do rebaixamento.

Todavia, a notícia segue sendo ruim em comparação com os últimos anos em que foi rebaixado. Em 2005, acumulou 29 pontos em 19 rodadas, mas o total era de 42 jogos, e não 38.

Em 2006, havia conquistado 19, e em 2007, 25. Em 2020, em meio a pandemia da covid-19, somava 19 pontos.