FIFA “deu” mais 2 mundiais para o São Paulo

Um dos assuntos mais polêmicos no futebol brasileio é em relação ao Mundial Interclubes da Fifa, competição que coloca à frente os campeões de cada continente. Em sua maioria, as finais são disputadas entre o vencedor da Libertadores e o da Liga dos Campeões da Europa.

Em meio a muita reclamação pelo reconhecimento de títulos anteriores ao modelo atual da Fifa, a maior entidade de futebol do mundo reconheceu, em 2017,  os clubes que venceram o antigo Mundial (1960 a 2004) como campeões legítimos. Na ocasião, o torneio era disputado entre o campeão da América do Sul contra o da Europa.

O pedido para a consideração dos campeões em questão veio da Conmebol, entidade responsável pelo futebol sul-americano. O presidente da mesma, Alejandro Domínguez, confirmou a decisão e comemorou através de post.

“Agradeço a aprovação pelo conselho da Fifa da proposta da Conmebol de reconhecer títulos de Copas Intercontinentais como Mundiais de Clubes. Na nova Conmebol, fixamos como um dos eixos de mudança fazer justiça pelo futebol sul-americano, inclusive indo além do judicial. Hoje vemos refletidos nossos esforços em um justo reconhecimento que a Fifa faz aos clubes sul-americanos e europeus, que ganharam a Copa Intercontinental e tradicionalmente foram considerados campeões do mundo”, disse. 

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Copa Rio não foi considerada pela FIFA

Ao todo, 43 edições do Mundial de Clubes no modelo antigo foram consideradas. Em duas ocasiões, o duelo não ocorreu: Bayern de Munique x Independiente, em 1975, e Liverpool x Boca Juniors, em 1978, por divergências entre as datas.

Contudo, os títulos da Copa Rio de 1951 e 1952, que foram vencidos por Palmeiras e Fluminense, não foram reconhecidos pela Fifa. Com isso, o São Paulo é o maior campeão mundial do Brasil, com três conquistas (1992, 1993 e 2005). O Santos vem logo atrás, com duas (1962 e 1963), além do Corinthians (2000 e 2012). Flamengo (1981),  Grêmio (1983) e Internacional (2006) possuem uma.