Ex-treinador do São Paulo faz história no México

0

Treinador multicampeão com a base do São Paulo, André Jardine virou ídolo no México. Após deixar a seleção brasileira com o ouro olímpico, Jardine assumiu o modesto Atlético San Luís, do México, e levou o time aos oito melhores do país.

Jardine deixou o San Luís, no torneio mexicano – que tem um formato diferente dos pontos corridos, quase como um play-off da NBA – nas quartas de finais, ou seja, entre os oito melhores times do país. Esse é o melhor resultado da história do time.

O técnico brasileiro conquistou a vaga diante do Monterrey, gigante mexicano que disputou o Mundial no início do ano. O San Luís venceu o tradicional clube nos pênaltis, por 3 a 1.

“Estar entre os oito melhores times do México é um feito fantástico. É claro que tínhamos primeiro que cumprir o objetivo de sair do fundo da tabela e evitar pagar a multa, mas desde meu primeiro dia aqui, me surpreendi com a forma com que o elenco entendeu meu modo de trabalhar e mostrou ambição para buscar coisas grandes e fazer história pelo clube”, contou André Jardine em entrevista ao UOL.

Ex-São Paulo vira ídolo no México

Podendo também ser considerado Made in Cotia, André Jardine chegou a treinar o time de cima do São Paulo, porém, sem sucesso.

Resultados ruins e eliminação precoce na Libertadores o tirou do seu clube formador, até assumir o sub-20 da seleção.

Porém, no México, a classificação inédita a fase do campeonato mexicano, deixou o técnico com status de ídolo no San Luís.

Os torcedores do clube apelidaram o time de “La Jardineta”, em forma de homenagem ao treinador.

Jardine terá pela frente agora confronto de ida e volta, que decide sua vida na competição, podendo levar o pequeno clube a mais uma classificação histórica no México.

Por fim, se curtiu a matéria não deixe de acessar com frequência o Portal do São Paulino e siga o melhor site sobre o Tricolor no Instagram.

- Publicidade -