Ex-São Paulo faz homenagem a jogador falecido

Com passagem pelas categorias de base do São Paulo, o zagueiro Bremer, atualmente destaque na Juventus, da Itália, realizou uma homenagem ao ex-jogador alemão Andreas Brehme, que faleceu nesta terça-feira (20), aos 63 anos de idade, vítima de uma parada cardíaca.

Através de uma postagem nas redes sociais, o zagueiro que também vem sendo convocado para a Seleção Brasileira escreveu sobre a morte do ex-lateral da Inter de Milão, que levantou a Copa do Mundo em 1990 pela Alemanha. Ele revelou que ele era o ídolo de seu pai, e por isso a semelhança entre os nomes.

“Era o ídolo do meu pai, que queria me nomear igual a você. Para mim, você sempre será um exemplo de esportividade. Adeus, Andy”, publicou Bremer.

Brehme foi um dos jogadores que marcou sua época. Se destacou pela Internazionale, da Itália, além do Bayern de Munique e do Kaiserslautern, da Alemanha. Fez parte do time que derrotou a Argentina em 1990, equipe que contava com o lendário Diego Maradona. 

Dentre suas principais características dentro de campo estavam a polivalência, técnica e dribles com a bola no pé. Não é à toa que o pai do defensor brasileiro era um grande fã do ex-futebolista. Atyava tanto como lateral-esquerdo quanto como volante.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Além de tudo, ele era ambidestro, capaz de chutar com as duas pernas independentemente do ângulo, seja através de faltas ou cobranças de escanteio, ou até em jogadas de bola rolando. Ele era muito prestigiado em seu país chegando a receber elogios diretos de Franz Beckenbauer, também falecido neste ano.