Ex-jogador do São Paulo que pagou mico no Botafogo fecha com novo time

Perto do início dos Estaduais, os times brasileiros ainda estão bem ativos no mercado. Na última sexta-feira (12), por exemplo, o Cuiabá fechou a contratação do meia Lucas Fernandes, ex-Botafogo.

O atleta pertence ao Portimonense, de Portugal, mas passou as últimas duas temporadas no clube carioca. Disputou 60 partidas neste período de tempo, acumulando quatro gols marcados e mais quatro assistências fornecidas. Fez parte do elenco que perdeu o título brasileiro para o Palmeiras.

De acordo com informações divulgadas pelo portal Globo Esporte, o acordo foi de um empréstimo gratuito de um ano. Possui uma opção de compra com valor fixado em 3,5 milhões de euros (R$ 18,6 milhões) por 70% dos direitos econômicos do meia. O Cuiabá, por hora, só terá que arcar com os vencimentos mensais de Lucas.

Ele deve cair como uma luva no meio-campo do Cuiabá, já que o time procurava um substituto de Pablo Capellini, que se despediu do Mato Grosso no final de 2023. O Dourado disputará a Copa Sul-Americana nesta temporada após ter terminado o Campeonato Brasiliro em 12° lugar.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Lucas Fernandes era uma promessa da base de Cotia

Por sinal, o jogador foi criado e revelado nas categorias de base de Cotia. Era considerado uma promessa para o meio-campo, ainda mais depois de se destacar na Libertadores da América Sub-20 em 2016, quando marcou o gol do título na final diante do Liverpool, do Uruguai.

Depois de subir ao time principal, Lucas Fernandes chegou a ganhar algumas chances, mesmo ainda jovem e sem experiência. Sofreu uma lesão grave no joelho e ficou fora de ação por um bom tempo. Acabou sendo vendido ao Portimonense em 2018.