Ex-dirigente do São Paulo é convocado pra CPI

A 12ª audiência da CPI da Manipulação de Jogos e Apostas Esportivas no Senado contou com a presença de um rosto bastante conhecido dentro do São Paulo: José Francisco Manssur. Ex-diretor do Tricolor e ex-secretário especial do Ministério da Fazenda, ele destacou a situação atual da regulamentação das apostas esportivas.

Sincero, Manssur afirmou que a demora é aceitável em razão da complexidade do tema e enfatizou a urgência de estabelecer um sistema tributário eficaz, comparável a outras indústrias contribuintes. O ex-São Paulo ainda defendeu a criação de uma agência reguladora como essencial para reforçar a integridade do setor.

O ex-diretor são-paulino foi o 12º convidado para dar esclarecimentos para a CPI. Antes, nomes como John Textor, proprietário do Botafogo, e Leila Pereira, presidente do Palmeiras, marcaram presença no Senado. A comissão é composta por 11 membros titulares e 7 suplentes, sendo presidida pelo senador Jorge Kajuru (PSB-GO).

A criação da CPI veio depois de um levantamento divulgado pela SportRadar, empresa especializada em monitoramento de partidas e parceira da CBF, que apontou suspeitas de fraudes em resultados de 109 partidas realizadas no Brasil em 2023. Os números colocam o país no topo do ranking de jogos suspeitos de manipulação.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Por fim, se curtiu a matéria não deixe de acessar com frequência o Portal do São Paulino.