Em negociações com Flamengo, Paquetá não descartou assinar com São Paulo

Acusado de participar de esquemas de apostas esportivas, o meia Lucas Paquetá, que pertence ao West Ham, da Inglaterra, estaria em negociações para retornar ao Flamengo. A negociação é difícil, já que os ingleses só aceitariam uma venda em definitivo.

Vale lembrar que, segundo Cristiano Caús, especialista em Direito Desportivo, o meia pode acabar tendo que cumprir uma possível pena no Brasil caso seja considerado culpado pela federação inglesa.

“Quando o atleta é punido num país, a punição só terá repercussão internacional se o tribunal ou federação daquele país que o puniu enviar o caso ao Comitê Disciplinar da Fifa e solicitar a extensão da sanção para todo o mundo. Apenas após a decisão do Comitê Disciplinar da Fifa que a pena terá efeito mundial”, disse, em contato com o Globo Esporte.

Pedro Fida, especialista em esportes e entretenimento, disse que a Fifa não pode alterar a pena da federação inglesa, mas que tem o poder de estender a pena para os demais países ou mantê-la na Inglaterra. Por outro lado, o ge informou que uma fonte do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) disse que as penas já estão internacionalizadas. 

“Considerando que o caso do Paquetá está sendo investigado e conduzido pela FA, espera-se uma decisão de primeira instância, da qual caberá ainda recurso à segunda instância conhecida como Appeal Board. Caso a decisão final determine que o Paquetá seja punido, por se tratar de infração grave, a FA tem o dever de comunicar a Fifa, que não poderá rever o conteúdo e mérito, mas tão somente decidir se foram cumpridos ou não os requisitos para justificativa de extensão a todas as confederações de futebol do mundo”, disse Pedro.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Paquetá falou sobre o São Paulo

Durante suas férias no Brasil em junho do ano passado, Lucas Paquetá marcou presença no PodDelas, programa apresentado por Tatá Estaniecki e Bruna Unzueta. Questionado se atuaria em outros clubes do país, ele garantiu que sua prioridade é o Flamengo, mas disse que jogaria no São Paulo, por exemplo.

“Com certeza. Quando eu voltar, minha primeira opção será o Flamengo. Mas também considero o  São Paulo um grande clube. São Paulo, Corinthians, Palmeiras… Minha família torcia pelo Vasco, mas meu pai era flamenguista. Então, tem não tinha jeito. Sou flamenguista desde pequeno”, garantiu.