E o chapéu de 2023 vai para: São Paulo em cima do Botafogo

De um modo geral, os torcedores são-paulinos ficaram satisfeitos com o rendimento da equipe em 2023. Isso porque a equipe comandada pelo técnico Dorival Júnior levantou  o título da Copa do Brasil pela primeira vez em sua história, garantindo uma boa grana em seus cofres e a vaga na Libertadores da América de 2024.

Junto a isso, o ano foi marcado por diversas transferências. Lucas Moura, por exemplo, largou o Tottenham, da Inglaterra, e acertou sua volta ao Morumbi depois de uma década. Todavia, o negócio mais inesperado foi o de James Rodríguez.

Ao longo de sua carreira, o colombiano defendeu as cores de Real Madrid e Bayern de Munique, dois gigantes da Europa. Atuava no Olympiacos no começo deste ano, até que acertou sua rescisão de contrato.

Muitos portais chegaram a especular um interesse do Botafogo na contratação do meia. O clube se tornou uma SAF e tem dinheiro investido pelo norte-americano John Textor para reforçar ainda mais a equipe. 

Houve uma sinalização de interesse do clube carioca no colombiano, mas a negociação não andou para a frente. Em agosto, o São Paulo acertou com James um contrato válido até o meio de 2025. 

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

O atleta disputou 13 partidas pelo clube até aqui, tendo marcado um gol e distribuído outras três assistências. Apesar de ainda não ter se tornado titular absoluto, não deve demorar muito para que chegue a tal posição em 2024.

A expectativ da diretoria é do meia crescer ainda mais na próxima temporada, uma vez que estará mais adaptado ao futebol brasileiro e ao esquema de Dorival Júnior. Ele é considerado uma grande esperança na Libertadores.