Dorival se posiciona sobre demissão de Luxemburgo antes do clássico

Depois da vitória contra o Coritiba, o São Paulo já foca em sua próxima partida pelo Campeonato Brasileiro, quando enfrentará o Corinthians, no sábado (30), às 18h30, no Morumbi. 

Na coletiva de imprensa após o triunfo por 2 a 1 contra o time paranaense, Dorival Júnior se mostrou surpreso em relação à demissão recente de Vanderlei Luxemburgo, que deixou o cargo um dia depois do empate contra o Fortaleza, em Itaquera, pela semifinal da Copa Sul-Americana.

“São aqueles momentos que não sabemos o que esperar. Eu estava com essas dúvidas há poucas semanas em como jogaríamos o Brasileiro, Sul-americana e Copa do Brasil, e não é simples tomar decisões, tem que se pesar muitas coisas. A notícia (de Luxemburgo demitido) pegou a gente de surpresa, e vamos esperar a definição (de um novo treinador), mas vamos tentar fazer o melhor”, comentou o treinador do Tricolor.

Luxemburgo estava sendo muito criticado pela torcida corintiana e, inclusive, estava sendo vaiado em todas as partidas da Neo Química Arena. Apesar do empate, o rendimento da equipe foi ruim, mais uma vez, e a diretoria mira em Tite e Mano Menezes para assumirem o cargo vago.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Momento conturbado em Itaquera

O Corinthians é o 11° colocado do Campeonato Brasileiro, com 30 pontos. Em 24 partidas, acumula sete vitórias, nove empates e oito derrotas. Marcou 28 gols e sofreu 29. O time alcançou a semifinal da Sul-Americana, e está em busca da conquista,  visando uma vaga na Libertadores da América da próxima temporada.

O clube passou por momentos turbulentos neste ano. Começou apostando em Fernando Lázaro como treinador principal. Após o presidente Duílio Monteiro Alves optar pela saída, contratou Cuca, que não durou sequer um mês na equipe devido aos protestos da torcida. Danilo assumiu por um jogo até fecharem a contratação de Luxemburgo, que foi muito criticada na época.