Dorival Jr está rindo à toa da cara do Flamengo

Mesmo depois de ganhar a Libertadores da América e a Copa do Brasil sob o comando do Flamengo na última temporada, o técnico Dorival Júnior não teve seu contrato renovado pela diretoria.

Os cartolas rubro-negros optaram pro seguir um novo caminho sem o treinador, que havia dado um jeito no time appos a saída de Paulo Sousa e conquistado duas compeitções gigantes pelo clube.

A escolha imediata da direção foi o português Vitor Pereira, que não renovou contrato com o Corinthians, alegando problemas de saúde de sua sogra, em Portugal. Todavia, não conseguiu se sair bem, e foi demitido após perder o Campeonato Carioca.

O escolhido para tomar o lugar do português foi outro estrangeiro, desta vez outro conhecido do futebol brasileiro: o argentino Jorge Sampaoli, que teve boa passagem pelo Santos, além do Atlético-MG.

A expectativa era alta em torno do comandante, visto que ele possuía vasta experiência na Europa, onde treinou o Sevilla, da Espanha, além do Olympique de Marselha, da França. Por seleções, venceu a Copa América a frente do Chile, e esteve no comando da Argentina entre 2017 e 2018, sendo demitido após a Copa do Mundo da Rússia.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Sampaoli atinge número negativo com o Flamengo

Nesta quinta-feira (10), o Rubro-Negro foi eliminado da Libertadores nas oitavas de final, perdendo para o Olímpia, do Paraguai. Mesmo com a  vantagem de um a zero, foi ao Paraguai e não resistiu a pressão, perdendo por 3 a 1 e dando adeus ao torneio.

Por sinal, os três gols sofridos pelo Flamengo de Sampaoli superaram o número concedido pelo Flamengo em todo o mata-mata da Libertadores do ano passado, quando sob o comando de Dorival Jr, levantaram a taça em cima do Athetico-PR.