Dirigente se manifesta e desqualifica mundiais do São Paulo

Depois dos jornalistas Fabiano Baldasso e Farid Germano Filho protagonizarem uma grande discussão sobre as conquistas brasileiras na Copa Intercontinental, torneio disputado entre 1960 e 2004, em edição do Charla Podcast, foi a vez de um dirigente do Internacional colocar mais lenha na fogueira ao dar sua opinião sobre o caso.

Na opinião de Alessandro Barcellos, atual presidente do Colorado, o extinto torneio não pode ser considerado um Mundial de Clubes já que a FIFA, entidade que rege o futebol mundial, só considera as edições de 2005 em diante. A clara provocação ao Grêmio, campeão da Copa Intercontinental de 1983, também repercute em São Paulo, Santos e Flamengo.

“A FIFA tem uma resolução muito clara de que os mundiais começaram a partir de um determinado momento e que, até então, eram considerados um torneio intercontinental. O Internacional tem orgulho de ser campeão mundial FIFA. Alguns clubes têm esse troféu, outros ainda não”, alfinetou o mandatário do clube gaúcho.

Após Santos, em 1962 e 1963, Flamengo, em 1981, e Grêmio, em 1983, o São Paulo tornou-se o quarto clube brasileiro a conquistar a Copa Intercontinental em 1992. Na ocasião, o Tricolor bateu o histórico Barcelona de Johan Cruyff. No ano seguinte, a vítima foi o gigante Milan, da Itália. O clube ainda levantaria o Mundial de Clubes de 2005 frente ao Liverpool.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Relembre os títulos mundiais do São Paulo

Intercontinental de 1992
13/12 – Barcelona 1 x 2 São Paulo – Estádio Nacional de Tóquio, Japão
Gols: Stoichkov aos 12′ do 1º tempo; Raí aos 27′ do 1º e aos 33′ do 2º tempo

Intercontinental de 1993
12/12 – Milan 2 x 3 São Paulo – Estádio Nacional de Tóquio, Japão
Gols: Palhinha aos 19′ do 1º tempo; Massaro aos 3′, Toninho Cerezo aos 14′, Papin aos 36′ e Muller aos 43′ do 2º tempo

Mundial de Clubes de 2005

Semifinal:
14/12 – Al-Ittihad 2 x 3 São Paulo – Estádio Nacional de Tóquio, Japão
Gols: Amoroso aos 16′ do 1º e aos 2′ do 2º tempo, Noor aos 33′ do 1º tempo; Rogério Ceni aos 12′ e Al-Montashari aos 23′ do 2º tempo

Final:
18/12 – São Paulo 1 x 0 Liverpool – Estádio Internacional de Yokohama, Japão
Gol: Mineiro aos 27′ do 1º tempo

Por fim, se curtiu a matéria não deixe de acessar com frequência o Portal do São Paulino.