Deixou o São Paulo sem render 1 tostão e agora vai ser mandado embora na Europa

Depois de se recusar a renovar seu contrato e sair a custo zero, o zagueiro Luizão não está tendo vida fácil no West Ham. O clube inglês deseja negociar o jogador o mais rápido possível, segundo informações divulgadas pelo portal iG Esporte.

O clube que demonstrou mais interesse recentemente foi o Monaco, da França. A pedida dos Hammers foi de 5 milhões de euros, algo em torno de R$ 26 milhões na cotação atual. O negócio não foi para frente, pelo menos por hora.

Alguns clubes brasileiros também tentaram sua contratação por empréstimo, algo que não agradou a diretoria do clube britânico, que deseja vendê-lo em definitivo. Caso ele não seja negociado nesta semana, ele deve ficar até o meio do ano, data de abertura da nova janela de transferências da Europa.

Depois de deixar o São Paulo, Luizão foi colocado na equipe sub-21 do West Ham, visando ganhar experiência e rodagem. Não foi o suficiente para brilhar os olhos do técnico David Moyes, que não conta com o brasileiro no time principal, mesmo tendo contrato até metade de 2026.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Ainda em 2022, o zagueiro foi ligado ao Porto e Benfica, de Portugal, além de alguns times do futebol espanhol. Nenhuma negociação avançou, já que ele optou pelo futebol inglês, hoje, o mais competitivo do mundo.

Saída conturbada do SPFC

Luizão subiu para o time profissional do São Paulo sob o comando de Rogério Ceni ainda em 2022. Com boas performances, começou a ganhar mais chances no time titular. Contudo, sua saída foi conturbada.

Valorizado, o zagueiro se recusou a renovar seu contrato com o Tricolor, ciente do interesse europeu. Deixou o clube a custo zero após assinar um pré-acordo com o West Ham, deixando o SPFC com apenas uma fatia de seus direitos para uma venda futura. Atuou em 20 jogos pelo clube.