Daniel Alves está de volta ao futebol depois da prisão

Depois de 14 meses preso de maneira preventiva, Daniel Alves teve sua liberdade provisória concedida pela Justiça da Espanha. Vale lembrar que ele foi condenado a quatro anos e meio de cadeia por estpro de uma mulher. O crime ocorreu em 30 de dezembro de 2022, na boate Sutton, em Barcelona.

Para sair de maneira provisória e aguardar o julgamento em outras instâncias longe da cadeia, o brasileiro precisou pagar uma fiança avaliada em 1 milhão de euros. Além disso, precisa cumprir alguns requisitos impostos pelas autoridades.

Ele entregou seus passaportes (brasileiro e espanhol) como garantia de que não fugirá da Espanha, e está proibido de se aproximar da vítima. Junto a isso, ele precisa comparecer semanalmente ao Tribunal de Barcelona. 

Longe dos holofotes, Daniel tenta retomar sua vida junto a sua esposa, Joana Sanz. Sem poder jogar futebol, ele já encontrou uma alternativa para se manter no meio do esporte. Isso porque de acordo com informações divulgadas pelo portal UOL Esporte, ele está trabalhando como intermediário nas negociações envolvendo o lateral-direito Pedro Lima, do Sport.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

O jogador de 17 anos de idade é considerado uma das maiores joias do futebol brasiliro e está sendo monitorado de perto por clubes como o Chelsea, Barcelona, Juventus e Paris Saint-Germain.  

O atleta é a grande esperança da equipe recifense e pode se tornar a maior venda da história do clube. Ele se tornou titular recentemente e é peça fundamental na equipe que disputa a Série B do Campeonato Brasileiro. Ele defende as categorias de base do Brasil e é titular absoluto na equipe sub-17.