Custou uma fortuna e ainda não conseguiu jogar bem no São Paulo

Um dos reforços que mais empolgaram a torcida do São Paulo neste ano foi o atacante Ferreirinha, ex-Grêmio. Logo em seu vídeo de apresentação, o atleta já se revelou são-paulino desde pequeno, algo que caiu muito bem entre os tricolores. Contudo, ele ainda não conseguiu desempenhar seu melhor futebol.

O jogador atuou em dez jogos até o momento, sendo quatro deles iniciando entre os titulares. Começou entre os onze iniciais no empate em 1 a 1 contra o Guarani, no último domingo (25), e teve quatro chances para marcar seu primeiro gol com a camisa do SPFC. Na segunda etapa, foi substituído por Wellington Rato.

Em entrevista coletiva após a partida em Campinas, o técnico Thiago Carpini foi questionado sobre a atuação do jogador. Na visão do técnico, a “fome” de marcar pela primeira vez pelo SPFC acaba prejudicando o atleta.

“Ferreira está nesta vontade de ajudar com gols e talvez traga uma responsabilidade que pode atrapalhar. Essa é uma conversa que temos sempre, o gol vai sair de uma maneira natural. Quanto menos ele se cobrar e só trabalhar, o gol vai sair”, disse o treinador.

Mesmo não sendo um goleador nato, Ferreirinha foi um dos destaques ofensivos do Grêmio na temporada passada. Em 40 partidas disputadas sob o comando de Renato Gaúcho, marcou sete gols e distribuiu mais seis assistências. 

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Quanto o SPFC pagou por Ferreirinha?

A cobrança da torcida começa a aumentar cada vez mais, muito por conta do alto valor investido em sua contratação. De acordo com informações divulgadas pelo portal Terra, o custo da transferência chega a R$ 22 milhões por 65% dos direitos do jogador. Destes, R$ 12 milhões foram destinados ao Grêmio (por 35% dos direitos), enquanto o restante (30%) foram divididos entre o jogador, empresário e a escolinha em Dourado, na qual ele iniciou sua carreira.

Ferreirinha estará à disposição do técnico Thiago Carpini para a partida desta quarta-feira (28). Na ocasião, o Tricolor viaja a Brasília para encarar a Inter de Limeira, no Mané Garrincha, em duelo atrasado da fase de grupos do Campeonato Paulista.