Crise sem fim: jogadores do Santos vão a festa e quase acabam apanhando

A situação do Santos vai de mal a pior. A performance dentro de campo não vem caindo bem entre a torcida, que está protestando na Vila Belmiro e nas ruas da Baixada Santista.

Por sinal, diversos vídeos estão sendo espalhados nas redes sociais, mostrando Nathan e Lucas Pires, atletas que defendem o Santos, cercados e intimidados por torcedores depois de saírem de uma festa. As imagens foram feitas na madrugada desta terça-feira (27), em São Paulo, segundo informações divulgadas pelo Globo Esporte.

Os dois estavam em um estacionamento do local, na presença de algumas mulheres, quando foram abordados pelos torcedores. Através das imagens divulgadas, não foi possível enxergar com clareza se houve ou não algum tipo de agressão física aos jogadores. Eles foram ajudados a sair da situação graças aos funcionários do estabelecimento 

Ambos compareceram ao treinamento no CT Rei Pelé de forma normal na manhã desta terça, mas depois de terem uma conversa junto a diretoria do clube, acabaram ficando de fora da atividade. Ainda não se sabe mais nada em relação ao futuro da dupla, que certamente se assustou com a situação.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Santos foi punido e jogará com portões fechados

Para piorar ainda mais a situação, o clube vive péssimo momento no ano, e está há dez jogos sem saber o que é vitória. Odair Hellmann foi demitido na última semana, e deu lugar a Paulo Turra, que comandou o Athletico-PR no primeiro semestre desta temporada.

Perto da zona do rebaixamento, o Santos não contará com o apoio de sua torcida por cerca de um mês. Isto por conta do episódio de vandalismo da torcida após a derrota para o Corinthians, na Vila Belmiro. O clube foi punido pelo STJD, e jogará seis duelos sem público tanto em sua casa quanto fora.

O Santos ainda não se manifestou sobre o episódio envolvendo Nathan e Lucas Pires.