Corinthians está com vaga garantida no Mundial de Clubes da FIFA

Histórico rival do São Paulo, o Corinthians perseguiu, por muitos anos, o seu primeiro título da Copa Libertadores da América. O sonho corintiano só seria realizado em 2012, ano em que o clube também levantaria o troféu do Mundial de Clubes da FIFA sobre o Chelsea. Algo que poderá voltar a acontecer em breve.

Isto porque o Alvinegro já está confirmado na disputa do primeiro Mundial de Clubes feminino da entidade. Maior vencedor da Copa Libertadores da América na categoria, com quatro conquistas, o Corinthians deverá ser o primeiro clube confirmado para o torneio, com previsão de sair do papel na temporada de 2027.

Em recente entrevista, Gianni Infantino, presidente da FIFA, deu maiores detalhes sobre o projeto: “Para o futebol feminino, a primeira decisão da FIFA foi estender o calendário até 2025 para nos dar mais tempo para estudar o novo calendário, mas também para criar um novo Mundial de Clubes feminino”.

Campeão continental em 2023, o Corinthians garantiria assim sua presença na competição. Algo parecido já acontece no masculino, com Flamengo, campeão em 2022, Palmeiras, vencedor em 2021, e Fluminense, atual campeão, já garantidos na disputa do Supermundial de 2025, que irá ser disputado nos Estados Unidos.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Relembre os campeões da Copa Libertadores Feminina

  • 2009: Santos (Brasil)
  • 2010: Santos (Brasil)
  • 2011: São José (Brasil)
  • 2012: Colo-Colo (Chile)
  • 2013: São José (Brasil)
  • 2014: São José (Brasil)
  • 2015: Ferroviária (Brasil)
  • 2016: Club Sportivo Limpeño (Paraguai)
  • 2017: Corinthians (Brasil)
  • 2018: Atlético Huila (Colômbia)
  • 2019: Corinthians (Brasil)
  • 2020: Ferroviária (Brasil)
  • 2021: Corinthians (Brasil)
  • 2022: Palmeiras (Brasil)
  • 2023: Corinthians (Brasil)

Por fim, se curtiu a matéria não deixe de acessar com frequência o Portal do São Paulino.