Confirmado quanto recebe um jogador da base do São Paulo

Como não é surpresa para ninguém, o São Paulo tem uma cultura de valorizar os jovens das categorias de base. O Tricolor aposta em Cotia como o presente e também futuro do clube. Não é à toa que o time titular é recheado de jogadores provenientes da base, como o próprio Pablo Maia, convocado para defender a Seleção Brasileira.

Diante disso, surge a dúvida entre os torcedores de quanto ganha um atleta que acabou de subir ao profissional. Teoricamente é um salário “baixo”, mas pode aumentar gradativamente dependendo do desempenho.

Quem garantiu isso foi o próprio presidente do clube, Julio Casares. Em entrevista à Folha de São Paulo ainda em fevereiro, o mandatário falou abertamente sobre a situação financeira do Tricolor, revelando os salários médios de atletas que sobem de Cotia. 

“Jogador da base ganha R$ 15 mil por mês. Quando sobe para o profissional, já vai para R$ 40 mil, R$ 50 mil. Se performar bem, salta para R$ 80 mil. Quando é campeão, vai para R$ 280 mil ao renovar o contrato. Então, quando somos campeões, a despesa aumenta. Mas as receitas sobem”, disse Casares. 

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Dentre os jogadores vindos da base que o São Paulo tenta extensão de vínculo é Welington. O lateral-esquerdo tem contrato com o clube até o final deste ano, e a partir de julho, pode assinar um pré-acordo com qualquer equipe interessada. Ele já recusou algumas ofertas da diretoria, e possui futuro indefinido. 

Casares revelou quanto ganha por mês

Além da revelação de quanto ganha um jogador recém-promovido ao elenco principal, Julio Casares também falou quais são os seus vencimentos mensais. Além disso, relembrou a época em que trabalhou na televisão. 

“Eu ganho um salário, um pró-labore, que não chega à metade que os meninos da base ganham quando são promovidos. Recebo em torno de R$ 26 mil, líquidos. Mas não reclamo, eu me preparei para isso. Eu ganhei muito dinheiro na televisão. Eu vivo dos aluguéis dos imóveis que comprei. Eu me viro”, contou.