Confirmado oficialmente: Verdão muda regras e NÃO TEM MAIS PRESIDENTE

Depois de gigantes clubes do país como Bahia, Botafogo, Cruzeiro e Vasco da Gama seguirem o caminho da Sociedade Anônima do Futebol (SAF), um novo pretendente ao modelo foi conhecido nesta quinta-feira (23). Em longa assembleia realizada no ginásio da Serrinha, o Goiás aprovou o seu mais novo estatuto.

Nele, o Verdão da Serra extingue o cargo de presidente executivo e institui um Conselho Administrativo. A curiosa movimentação abre o caminho para a instituição da SAF, algo já pretendido dentro do clube na busca por investimentos no futebol. 268 associados marcaram presença na reunião, com 197 deles votando a favor da mudança.

Goias SAF
Serrinha, sede do Goiás: clube aprovou novo estatuto e pode virar SAF — Foto: Divulgação/Goiás

O novo formato de administração já passa a vigorar de imediato. Por esta razão, o próximo período eleitoral do Esmeraldino, marcado para o próximo mês, já definirá a formação do primeiro Conselho Administrativo da história do clube. Atual presidente, Paulo Rogério Pinheiro deixa o cargo no dia 31 de dezembro.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Entusiasta da mudança, Edminho Pinheiro, presidente do Conselho Deliberativo, celebrou a votação: “Um dos objetivos desse clube é, evidentemente, buscar um investidor para tentar competir no mercado do futebol brasileiro. É praticamente unanimidade que este é o melhor encaminhamento para o Goiás”.

Por fim, se curtiu a matéria não deixe de acessar com frequência o Portal do São Paulino.