Confirmado! Cafu é do São Paulo

Vencedor de duas Copas do Mundo com a Seleção Brasileira, sendo uma delas como capitão (2002), Cafu colocou seu nome como um dos maiores jogadores da história do futebol. Revelado pelo São Paulo, ele jamais esqueceu o que o clube o proporcionou, tanto no âmbito pessoal quanto no futebolístico.

Por sinal, ele esteve presente na partida entre São Paulo e Milan, ainda em dezembro, realizada no Morumbi. Na ocasião, as lendas do Tricolor venceram por 4 a 1, e Cafu atuou com as duas camisas.

A idolatria do jogador muitas vezes é questionada por conta de sua polêmica ida ao Palmeiras, após um período de conquistas pelo São Paulo na era Telê, uma das mais vistosas na história do SPFC. Apesar disso, o ex-lateral nunca escondeu seu amor pelo Tricolor.

 “Todos os títulos com a camisa do São Paulo, para mim, representam muito orgulho. Sou são-paulino. Joguei em outros clubes, mas sou torcedor de coração. Ia aos estádios, torcia, estava nas arquibancadas e, de repente, me vejo jogando no São Paulo Futebol Clube”, disse, através do X (antigo Twitter).

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Cafu iniciou sua trajetória no São Paulo em 1990, atuando por quatro anos. Disputou 273 jogos e marcou 38 gols com o manto tricolor. Venceu  dois Paulistas, duas Libertadores, dois Mundiais de Clubes, um Brasileirão e duas Recopas Sul-Americana.

Individualmente, venceu a Bola de Prata em duas ocasiões (1992 e 1993), prêmio dado pela Revista Placar, além de ter sido eleito o Jogador Sul-Americano de 1994 pelo tradicional jornal El País. Garantiu sua vaga no Brasil em 1994 e conquistou o tetra.