Chelsea acerta a compra e Pedro vai deixar o manto rubro-negro

Visando retomar o protagonismo na Inglaterra e na Europa, o Chelsea vem investindo em novas promessas do futebol mundial. Na última quarta-feira (12), os londrinos acertaram a contratação do lateral-direito Pedro Lima, do Sport.

O negócio foi selado por 7,5 milhões de euros (cerca de R$ 44 milhões na cotação atual). A cifra, contudo, pode aumentar em mais 3 milhões de euros, ou seja, totalizando R$ 61 milhões caso algumas metas pré-determinadas sejam atingidas no futuro, como convocações para a Seleção Brasileira. A informação foi divulgada pelo jornalista Fabrizio Romano e pelo GE.

Do valor citado, o Sport tem direito a 70% desse montante, o que dá em torno de R$ 30,67 milhões. Os outros 30% pertencem ao atleta e seu empresário. Apesar disso, o jornalista Jorge Nicola disse que o clube recifense conseguiu negociar uma parte da fatia pertencente a Pedro e seu staff.

Apesar de ter grandes esperanças no brasileiro, o Chelsea não irá utilizá-lo na próxima temporada. Ele será emprestado ao Strasbourg, da França, empresa pertencente à BlueCo, que também administra o clube inglês.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Venda se tornou a maior do futebol nordestino

A venda de Pedro Lima ao Sport se tornou a maior venda da história do futebol nordestino. Anteriormente, o recorde pertencia ao lateral-esquerdo Jhoanner Chávez, equatoriano que defendia o Bahia e foi jogar no Lens, da França, por R$ 25,7 milhões.