Casares dá quentinha sobre lateral negociando com São Paulo

O São Paulo visa se reforçar nesta janela de transferências, que tem abertura marcada para o próximo dia 10 de julho. A ideia é deixar a equipe comandada por Luis Zubeldía ainda mais forte para a sequência da temporada. Vale destacar que o SPFC está vivo em três competições: Libertadores, Campeonato Brasileiro e Copa do Brasil.

Além disso, a diretoria quer a manutenção de boa parte do plantel para o segundo semestre. Claro que alguns podem acabar sendo negociados para aliviar a situação financeira, mas em suma, o objetivo é manter grande parte dos titulares.

Desde o começo do ano, a diretoria vem tentando garantir o “fico” do lateral-esquerdo Welington, que é o titular absoluto. Por sinal, o próprio técnico Luis Zubeldía pressionou a cúpula pela renovação do jogador formado em Cotia.

Entretanto, as negociações não estão avançando conforme o esperado. Há algumas diferenças nas versões dadas pela diretoria e pelo empresário do atleta. A principal delas seria em relação ao salário pedido.

Casares mantém esperanças por renovação, apesar de admitir que oeração é difícil 

Vale destacar que Welington tem contrato até dezembro deste ano e poderá assinar um pré-acordo em julho. Desta forma, ele deixaria o São Paulo a custo zero ao término da temporada. Questionado pela ESPN, o presidente Julio Casares comentou sobre o estágio das conversas.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

“Ainda não (houve evolução nas conversas para renovar). A nossa diretoria de futebol tem conversado com o atleta, com o empresário do atleta e nós temos os nossos limites orçamentários, mas ele está muito imbuído de continuar no São Paulo, pelo menos no Campeonato Brasileiro, com muito foco”, iniciou.

“Nós esperamos que podemos ter um final feliz. Estamos aqui com foco na seleção, nós temos lá um presidente que assumiu, o nosso presidente está tocando, mas estamos falando todo dia com eles e confiantes de que nós podemos reforçar o clube, tanto com o Thiago Mendes, quanto a renovação do Welington, que é um pouco mais difícil”, finalizou.