Carpini pode conseguir feito que ocorreu só duas vezes em 10 anos

Contratado para o lugar de Dorival Jr., agora comandante da Seleção Brasileira, o técnico Thiago Carpini estreou com o pé direito à frente do São Paulo. Em um MorumBis com mais de 45 mil pessoas, o novo treinador são-paulino viu sua equipe conquistar uma boa vitória por 3 a 1 sobre o Santo André pelo Campeonato Paulista.

Embalado com o triunfo, Carpini agora prepara o time para enfrentar o Mirassol pela segunda rodada da competição. Nesta terça-feira (23), às 19 horas (de Brasília), as equipes se enfrentam no Estádio Municipal de Mirassol. Caso conquiste mais uma vitória, o treinador alcançará um feito quase raro dentro do São Paulo na última década.

Nos últimos dez anos, apenas Juan Carlos Osorio e Dorival Júnior iniciaram seus trabalhos no São Paulo com duas vitórias. Enquanto o colombiano superou Grêmio e Chapecoense em 2015, o agora técnico da Seleção derrotou América-MG e Ituano no início de sua segunda passagem pelo Morumbi. Antes, em 2017, Dorival também foi vítima da “sina”.

Na ocasião, ele acumulou um empate com o Atlético-GO e foi superado pela Chapecoense. A longa lista de técnicos que falharam em conquistar duas vitórias seguidas no início de seus respectivos trabalhos ainda conta com Rogério Ceni, Hernán Crespo e Fernando Diniz.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Veja o retrospecto dos últimos técnicos do São Paulo

  • Juan Carlos Osorio (2015) – vitórias sobre Grêmio e Chapecoense
  • Doriva (2015) – derrota para Fluminense e empate com Vasco
  • Edgardo Bauza (2016) – empates com Red Bull Brasil e César Vallejo
  • Ricardo Gomes (2016) – empate com Internacional e derrota para Juventude
  • Rogério Ceni (2017) – derrota para Audax e vitória sobre Ponte Preta
  • Dorival Júnior (2017) – empate com Atlético-GO e derrota para Chapecoense
  • Diego Aguirre (2018) – derrota e vitória sobre o São Caetano
  • André Jardine (2018) – empate com Sport e derrota para Chapecoense
  • Vagner Mancini (2019) – derrota para Corinthians e empate com Red Bull Bragantino
  • Cuca (2019) – empates com Palmeiras e Corinthians
  • Fernando Diniz (2019) – empate com Flamengo e vitória sobre Fortaleza
  • Hernán Crespo (2021) – empate com Botafogo-SP e vitória sobre Inter de Limeira
  • Rogério Ceni (2021) – empate com Ceará e vitória sobre Corinthians
  • Dorival Júnior (2023) – vitórias sobre América-MG e Ituano

Por fim, se curtiu a matéria não deixe de acessar com frequência o Portal do São Paulino.