Calleri vai passar por cirurgia mirando a Supercopa do Brasil

Nesta terça-feira (2), a delegação do São Paulo compareceu a uma festa de comemoração do título da Copa do Brasil. Antes da cerimônia, Jonathan Calleri voltou a afirmar que está incomodado com a lesão no tornozelo direito.

Ele está machucado há mais ou menos sete meses, e já admitiu que irá operar o local. Contudo, não há uma data exata para o procedimento cirúrgico, já que ele ainda necessita realizar novos exames e falar com os médicos.

O objetivo do goleador argentino é estar 100% para a  Supercopa do Brasil, torneio de final única que é disputado entre o vencedor do Campeonato Brasileiro e o da Copa do Brasil. A previsão é que aconteça em fevereiro do ano que vem.

“Ainda não tenho uma definição. Mas já está decidido que tenho que fazer (a cirurgia), e vou fazer. Eu já falei muitas vezes que, internamente, precisamos decidir o momento que eu vou fazer, mas tenho certeza que vai ser neste ano, porque eu preciso realmente. Eu quero começar a pré-temporada com o São Paulo, ganhar condicionamento físico e jogar a Supercopa”, iniciou.

“O principal agora é eu ficar bem. Ainda tenho que fazer consultas, decidir quando vou fazer, com quem vou fazer. A única certeza é que eu preciso fazer. Vou ver como será o tempo de recuperação, se demorar três meses, vou fazer já. Se for dois, posso aguardar mais um pouco. Mas eu realmente preciso, não estou me sentindo confortável. Termino quase todo jogo com dor e sinto que não estou rendendo tanto como poderia. Não estou 100%”, disse Calleri.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Nesta temporada, Calleri anotou 14 gols e distribuiu seis assistências em 44 partidas disputadas. Assim como no ano passado, vem sendo a principal arma ofensiva do Tricolor do Morumbi.

Calleri revela que realizou sonho no SPFC

Desde quando chegou ao clube, Calleri sempre disse que seu principal objetivo era conquistar um título. Depois de dois vices em 2022 (Copa Sul-Americana e Campeonato Paulista), o argentino realizou seu sonho.

“Eu sou agradecido da vida por conseguir um título tão importante pelo São Paulo.Quando voltei para cá, disse que era minha casa e queria ganhar uma taça importante para o clube. No último ano não deu, mas o destino tinha preparado algo ainda melhor”, disse.

“Sempre falei que queria ser campeão pelo São Paulo, e consegui. Meu sonho está realizado, não posso pedir mais nada. Agora, é beber, comemorar, e depois pensamos nos próximos jogos”, finalizou.