Calleri se adianta e manda recado para o Palmeiras antes da final

Nesta terça-feira (30), o São Paulo venceu o Corinthians por 2 a 1, na Neo Química Arena, pela quarta rodada do Campeonato Paulista. Os gols marcados por Jonathan Calleri e Luiz Gustavo ajudaram o Tricolor a quebrar o tabu de jamais ter vencido o rival desde a inauguração do estádio em Itaquera, ainda em 2014.

Com os três pontos, o Tricolor é o líder de seu grupo, alcançando os 10. Venceu três duelos e empatou um, seguindo invicto. O triunfo em cima do rival também aumenta a confiança para o clássico de domingo (4).

Os comandados de Thiago Carpini enfrentam o Palmeiras, no Mineirão, em Belo Horizonte, pela final da Supercopa do Brasil. O torneio reúne o campeão da Copa do Brasil e do Campeonato Brasileiro.

Após brilhar contra o Corinthians, Calleri foi questionado sobre o confronto com o Palmeiras. O argentino deixou claro que será um embate complicado, mas que o rival não gosta de jogar contra o São Paulo. 

“Há a rivalidade por tudo que aconteceu nos anos anteriores: eles nos ganharam um Paulista, nós eliminamos eles… eu acho que eles não gostam de jogar contra nós“, disse.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Duelos está em aberto, afirma o atacante

Por outro lado, o argentino também rasgou elogios ao time comandado pelo técnico Abel Ferreira. Ele destacou a qualidade da equipe, mas deixou a decisão em aberto. 

“Eles são um time bem entrosado, com um grande treinador, grandes jogadores que atuam juntos há muito tempo. Vai ser um bom jogo, qualquer um dos dois pode levar a taça. Acho que eles têm um pouquinho mais de vantagem porque se conhecem há mais tempo, mas tomara que a gente faça o melhor“, completou Calleri.