Caio Paulista tem prejuízo inestimável após deixar o São Paulo

Neste final de semana, os torcedores do São Paulo foram surpreendidos com toda a situação envolvendo o lateral-esquerdo Caio Paulista. O jogador não ficará no Morumbi em 2023, apesar de toda a certeza da diretoria.

Em meio a críticas da torcida do Fluminense, foi emprestado ao SPFC no início da temporada. Inicialmente, o plano era ser o reserva de Welington, que era o titular absoluto na posição. 

Com a grave lesão e a cirurgia da cria de Cotia, Caio acabou ganhando a vaga de titular, que conquistou de vez mesmo após o retorno de Welington. A diretoria são-paulina sinalizou que a opção de compra de 3,5 milhões de dólares seria exercida.

Todavia, a negociação teve uma reviravolta nos últimos dias, já que o empresário do atleta, Eduardo Uram, supostamente teria parado de responder o SPFC e iniciado negociações com o Palmeiras, que sinalizou o pagamento à vista do valor citado, enquanto o São Paulo só teria como pagar de forma parcelada.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

A diretoria do Morumbi se irritou e optou por não seguir na negociação. Os atletas também ficaram decepcionados com a atitude de Caio ao acertar com um rival direto após garantir permanência no clube.

Em meio a toda a repercussão negativa dentro do Tricolor, os torcedores são-paulinos foram às redes sociais para demonstrarem sua insatisfação com  Caio. Além de diversas ofensas, ele está sendo chamado de “Judas”.

Para piorar, já perdeu mais de 100 mil seguidores no Instagram, algo que pode ser negativo pensando em publicidade futura através da rede social. Com a iminente confirmação do acerto com o rival, a tendência é que ele perca cada vez mais apoio dos tricolores.