Botafogo surpreende e quer levar James Rodriguez

Nesta quarta-feira (7), James Rodríguez pediu para deixar o São Paulo. O jogador estaria insatisfeito com a falta de oportunidades dentro de campo e pediu uma rescisão de contrato amigável.

O clube já aceitou o pedido, conforme confirmado pelo próprio técnico Thiago Carpini, e agora ambas as partes trabalham para entrar de acordo com os termos da ruptura do vínculo, que era válido até 2025.

E mesmo sem ter tido sua saída confirmada por enquanto, James já está no radar de alguns times. De acordo com informações divulgadas pelo jornalista argentino Nahuel Ferreira, que trabalha na Rádio Punto 1400 e da Rádio AM 1130, o Botafogo e o Besiktas, da Turquia, estão de olho em sua situação.

Livre no mercado, a contratação do colombiano não custaria nada aos cofres, em termos de alguma taxa de transferências a ser paga. Neste caso, os clubes teriam apenas que desembolsar os salários mensais do jogador e luvas de assinatura. 

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Vale destacar que James interessava ao Botafogo ainda no ano passado, antes mesmo dele assinar com o São Paulo. John Textor, dono de 90% das ações da SAF do clube, já admitiu no passado que é fã do atleta.

James tem passagem muito abaixo pelo SPFC

O atleta foi anunciado ainda em julho do ano passado, mas não empolgou a torcida são-paulina. Atuou em somente 14 jogos, tendo marcado um gol e distribuindo mais três assistências. Não entrou em nenhum jogo na campanha vencedora da Copa do Brasil. Chegou a cogitar uma saída depois da falta de minutos com Dorival Júnior.

Até se empolgou com a chegada de Thiago Carpini, mas nada mudou. Ele sequer foi inscrito no Campeonato Paulista e estava realizando trabalhos de controle de carga. Se recusou a viajar com a delegação para Belo Horizonte, local da Supercopa do Brasil, ao saber que não seria relacionado.