Beraldo assinou contrato com velho rival do São Paulo

Vivendo excelente fase dentro do São Paulo, o zagueiro Lucas Beraldo pode conquistar seu primeiro título pelos profissionais do clube neste domingo, dia 24 de setembro. Titular incontestável do time comandado por Dorival Jr., o jovem de 19 anos estará em campo na partida de volta da grande final da Copa do Brasil frente ao Flamengo.

No Morumbi, a joia são-paulina terá a chance de alcançar um sonho que seu pai, André Beraldo, esteve longe de conseguir em sua quase desconhecida carreira dentro dos gramados. Grande incentivador do filho, o patriarca da família Beraldo foi revelado por um histórico rival do São Paulo: o Guarani.

Foram três temporadas com a camisa do Bugre no início da década de 90. Também zagueiro, André Beraldo ainda contou com passagens por Mogi Mirim, Santa Cruz, CRB, Criciúma e Londrina antes de pendurar as chuteiras, já em 2004, com a camisa do modesto Francana. Longe do estrelato, hoje ele torce pelo filho prodígio.

Em recente entrevista ao portal GE.com, o ex-zagueiro demonstrou estar orgulhoso de sua cria: “Sempre fui crítico, e o Lucas desde pequeno quis seguir na carreira. Eu tenho muito orgulho de ele ser quem é e como zagueiro, sendo que era a minha posição também. Lucas é muito regrado em todas as coisas que ele procura fazer”.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Pais de Beraldo são donos de sorveteria no interior

Enquanto Lucas Beraldo vive os louros da carreira de jogador de futebol, seus pais, André Beraldo e Léia Lopes, permanecem trabalhando com uma velha aposta da família: sorvetes. Os dois são sócios de uma sorveteria na cidade de Piracicaba, no interior de São Paulo.

“O sonho de toda criança deve ser crescer dentro da sorveteria, né? Hoje seria um problema para o Lucas (risos). Ele gosta muito de sorvete, cresceu lá com a gente trabalhando, sempre do lado. Quase todo dia tomava sorvete. Hoje, quando vem para Piracicaba, tem a nutricionista no pé (risos)”, revelou o pai do defensor.

Por fim, se curtiu a matéria não deixe de acessar com frequência o Portal do São Paulino.