Basquete: conheça a linda história do São Paulo na modalidade

0

Engana-se quem pensa que a história do São Paulo se resume ao futebol. Apesar da modalidade ser o foco da equipe tricolor, um outro esporte também é muito bem representado pela equipe paulista: o basquete, que nos últimos anos, vem garantindo títulos atrás de títulos para o clube.

A história do tricolor paulista com o basquete, no entanto, é feita de altos e baixos. A linda trajetória de superação começa em 1930, com a fundação do São Paulo Futebol Clube e o início de participações em competições do esporte.

Foram necessários 13 anos de atuação para que o São Paulo garantisse o seu primeiro título no basquete: o Campeonato Paulista da Capital de 1943. Depois disso, a equipe se ausentou por anos da modalidade e só veio a ganhar uma nova competição em 1989, com o Campeonato Estadual da 1ª Divisão, que lhe garantiu o acesso à elite do Estado no ano seguinte.

No entanto, daí para frente, a equipe de basquete do São Paulo passou por um certo desmanche no que diz respeito à identidade. O clube ficou por anos sem uma representação própria na modalidade, o que fez com que as cores vermelho, preto e branco aos poucos fossem ficando para trás na memória do esporte nacional.

Durante a década de 2000, o São Paulo, já com a sua equipe de basquete dissolvida, firmou parcerias com outros times, com o objetivo de retomar a modalidade dentro do clube. Acordos foram feitos com a Associação Atlética Guaru, de Guarulhos, e Associação Desportiva Santo André, para a disputa de campeonatos estaduais e nacionais, mas sem grande expressão em termos de resultados.

São Paulo - Basquete

A retomada do São Paulo no basquete

Somente em novembro de 2018 que o São Paulo voltou oficialmente a contar com uma equipe própria de basquete. O retorno a modalidade começou por baixo, sendo o primeiro desafio a disputa da Liga Ouro, o equivalente a segunda divisão nacional, e que garante acesso ao Novo Basquete Brasil (NBB), a elite do esporte no país.

Na disputa da Liga Ouro de 2019, o tricolor chegou à final dos playoffs e acabou sendo derrotado por 3 a 2 para o Unifacisa. Mesmo com a derrota, o São Paulo garantiu uma vaga à NBB, graças a desistência do Joinville, que não teve condições financeiras suficientes para a manutenção na elite.

Ainda em 2019, depois de 29 anos o São Paulo voltou a disputar o Campeonato Paulista com uma equipe própria. O retorno à divisão estadual se encerrou na semifinal, com a derrota para o Franca. Já na sua primeira incursão na NBB, um resultado de se orgulhar: a terceira colocação.

São Paulo - Basquete

Depois de tanto bater na trave, os primeiros títulos

Os primeiros anos do São Paulo depois do retorno ao basquete foram marcados por “quases”. O tricolor paulista vinha disputando as principais competições nacionais e internacionais, como Champions League Américas e Copa Super 8, chegando longe mas nunca conquistando títulos de fato.

No entanto, tudo isso mudou na temporada 2021 / 2022. Depois de tanto bater na trave, o São Paulo finalmente conquistou o seu primeiro título de expressão após o retorno à modalidade: o Campeonato Paulista. Naquele mesmo ano, levou para casa um troféu internacional, com a conquista da Champions League Américas.

O título internacional foi a cereja do bolo da equipe paulista, não apenas pela conquista em si mas, também, pela forma como ela ocorreu. O São Paulo protagonizou uma campanha considerada impecável por todos: 9 vitórias em 9 partidas disputadas e a classificação para a Copa Intercontinental, tido como o mundial de clubes do basquete.

Por fim, se curtiu a matéria não deixe de acessar com frequência o Portal do São Paulino e siga o melhor site sobre o Tricolor no Instagram.

- Publicidade -