Atitude de Dani Alves após encontro de sua EX com James Rodríguez foi revelada

Rivais nos tempos de Barcelona e Real Madrid, o embate entre Dani Alves e James Rodríguez está indo para fora dos gramados. Isto porque o meia cololbiano, que foi contratado recentemente pelo São Paulo, foi visto com a ex-mulher do brasileiro.

Ainda em junho, Joana Sanz publicou uma foto em seu Instagram  junto a James Rodríguez. Ambos estavam em uma cafeteria que faz parte de uma franquia do meia, na Colômbia.

 “Obrigado, James, pela acolhida em seu belo país. Que energia linda. Boa sorte com seu café. Vou levar minha mala com cheirinho rico de café colombiano”, escreveu Joana na legenda da foto.

De acordo com apuração da imprensa da Espanha, a informação do encontro entre os dois não foi bem digerida para Daniel Alves, que está na prisão. Por outro lado, a modelo também sempre busca defendê-lo da acusação, dizendo que no final das contas, acredita em sua inocência.

Sim, claro que acho Dani inocente. Tanto quanto eu sei, ainda não houve um julgamento. Não podemos condená-lo antes que isso aconteça”, disse, em entrevista para a revista espanhola Vanitatis.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Situação de Daniel Alves

O brasileiro se encontra preso de maneira preventiva desde o dia 20 de janeiro, no presídio Brians 2, localizado nos arredores de Barcelona. Ele é acusado de violência sexual contra uma jovem de 23 anos, em uma boate na mesma cidade, no final do ano passado. 

Finalizadas as investigações das autoridades, Daniel deve esperar até o julgamento, que deve acontecer entre o final deste ano e o começo do ano de 2024, no máximo. Por enquanto, tudo aponta para uma condenação, mas Joana Sanz ainda acredita no atleta.

“No início, eu não acreditei em nada. Fiquei em choque. Tudo me parecia gravíssimo. Ele entrou na prisão sem haver provas. Não nos esqueçamos de que ele foi prestar depoimento voluntariamente. Não houve nenhuma notificação para ir fazer isso, ninguém pediu. E dali diretamente levaram [Daniel Alves] para a prisão”, afirmou.