Atacante do São Paulo é expulso por comemorar gol de forma inusitada em clássico 

O time sub-15 do São Paulo goleou o rival Santos, pelo placar de 3 a 0, na manhã deste sábado (22), na Arena Barueri, pela semifinal do Campeonato Paulista da categoria e ficou com a vaga na decisão da competição estadual. 

No entanto o último gol marcado pelo Tricolor no clássico San-São contou com uma curiosidade. Na ocasião o atacante Thierry Henry, de 15 anos, que havia entrado na partida aos 15 minutos do segundo tempo, converteu um pênalti a favor do São Paulo e comemorou o tento com uma máscara do personagem Jason, do filme Sexta-feira 13. Além disto o jogador levantou uma placa com a frase ”Hoje tem gol de Thierry Henry”.

Vale ressaltar que o disfarce de Jason é um adereço antigo, muito utilizado por diversos torcedores do Tricolor, em razão do bom desempenho do time na conquista do tricampeonato brasileiro de 2006, 2007 e 2008.

Contudo, devido à inusitada celebração, o atacante foi advertido pelo árbitro da partida com o segundo cartão amarelo e foi expulso do clássico. Deste modo, Thierry Henry não poderá disputar o duelo de ida da final do Paulistão.

Thierry Henry leva nome de ídolo francês e é promessa na base do São Paulo

Thierry Henry é um das grandes promessas do São Paulo para os próximos anos. O jogador se recuperou recentemente de uma lesão e vem sendo utilizado pelo técnico Lucas Macorin nas últimas partidas da equipe sub-15 do Tricolor.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Com 1,92cm de altura, Henry leva o nome do astro francês, que fez história por Arsenal, Barcelona e Juventus. Apesar da grande estatura, o jovem é visto como um atacante de muita habilidade e até pouco tempo era o artilheiro do São Paulo em 2022, dentre todos os meninos das categorias de base do clube.