Artilheiro do Paulistão pode virar opção para o São Paulo

Não é de hoje que o São Paulo está em busca de um centroavante. O pedido é feito desde os tempos em que Rogério Ceni era o treinador da equipe, que insistia em um nome para ser um reserva imediato de Jonathan Calleri.

Na temporada passada, o papel de “sombra” do argentino foi atribuído a Erison, que sofreu muito com lesões durante o ano e acabou não tendo seu empréstimo renovado. David, que também podia atuar na função, também não ficou para 2024.

Com isso, cresce ainda mais o desejo por um “camisa 9” que consiga suprir a ausência de Calleri em algumas partidas. Por hora, o nome escolhido para tal função é o do jovem Juan, criado na base de Cotia. Entretanto, o mesmo vem sofrendo com críticas da torcida, uma vez que passa por uma má fase.

A diretoria vem enfrentando dificuldades no mercado, e a procura por um centroavante cresce ainda mais com o passar do tempo. Diversos jogadores foram especulados no Tricolor do Morumbis, mas nenhum de fato foi contratado.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Veterano pode surgir como possibilidade

Precisando urgentemente de um atleta para a posição, o Tricolor pode ficar de olho em Dellatorre, do Mirassol. O veterano de 31 anos já passou por diferentes clubes do futebol, tais como o Internacional, Porto (Portugal), além de passagens pelo futebol japonês e tailandês.

Atualmente, o atacante é o artilheiro desta edição do Campeonato Paulista, com sete gols marcados em nove partidas disputadas até o momento. O Mirassol é o vice-líder do Grupo B com 14 pontos, um a menos que o Red Bull Bragantino e quatro a mais que o Corinthians, lanterna da chave.

A aposta pode ser feita pela diretoria por conta do senso de urgência e pela falta de nomes disponíveis no mercado. Apesar disso, ele só poderia ser contratado até o dia 7 de março, data limite para inscrições e contratações. Entretanto, ele não poderia mais jogar o Estadual pelo Mirassol e nem pelo SPFC.