Arrascaeta no São Paulo? Saiba mais desta história

Considerado um dos melhores jogadores em solo brasileiro, Giorgian Arrascaeta se tornou um dos maiores ídolos recentes do Flamengo. O uruguaio entrou para a história e levantou duas Libertadores da América nos últimos anos, além do Campeonato Brasileiro e Copa do Brasil.

Antes mesmo de virar um símbolo rubro-negro, o meia já foi especulado no São Paulo. Ainda em 2017, alguns rumores foram divulgados relatando um possível interesse do Tricolor no atleta. Para concluir a negociação, a diretoria paulista estava disposta a enviar o volante Hudson em troca do uruguaio.

A oferta não agradou os dirigentes mineiros, e Arrascaeta seguiu em Belo Horizonte até o final de 2018, quando se transferiu ao Flamengo depois de vencer duas Copas do Brasil pelo Cruzeiro.

Contudo, antes mesmo de fechar com o clube carioca, Jorge Nicola noticiou que o Tricolor não havia desistido da contratação do craque. A negociação jamais aconteceu, e o jogador marcou história no Rio de Janeiro.

Por outro lado, Hudson voltou ao São Paulo no começo de 2018, após não chegar a um acordo com o Cruzeiro, clube no qual atuou no ano anterior por empréstimo. Não conseguiu render o esperado no São Paulo, e acabou emprestado ao Fluminense.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

No total, Hudson defendeu o SPFC em 198 partidas, sendo uma peça importante na campanha na campanha da Libertadores de 2016, quando o Tricolor chegou à semifinal. Terminou aquela edição do torneio com o maior número de desarmes entre os atletas. Atuou em cinco temporadas pelo clube do Morumbis, e anunciou aposentadoria no final de 2021.