Antony recebe boa notícia na Inglaterra

Depois de ter sido afastado por três semanas do Manchester United devido às acusações de violência contra sua ex-namorada, Gabriela Cavallin, Antony está de volta aos treinos do clube inglês. Por sinal, ele poderá jogar a partida contra o Galatasaray, pela segunda rodada da fase de grupos da Liga dos Campeões.

Na primeira rodada, os Red Devils foram derrotados pelo Bayern de Munique, na Alemanha. O time se encontra em uma má fase recentemente, tendo perdido três dos últimos quatro jogos. No final de semana, perdeu para o Crystal Palace, em casa, e está somente em 10° na Premier League.

“Antony será levado em consideração. Ontem (domingo) foi seu primeiro treino com o time. Temos um último treino e então tomaremos uma decisão. Creio que a novidade na equipe é que provavelmente Antony pode voltar”, disse o técnico Erik Ten Hag, em entrevista coletiva concedida nesta segunda-feira (2).

Antony segue afirmando que é inocente

O brasileiro retornou a Inglaterra na última passada, e segundo informações divulgadas pela imprensa local, ele se dirigiu à polícia e entregou seu próprio celular, visando ajudar nas investigações. Quando foi afastado do clube, o atacante garantiu que é inocente e que estava sendo alvo de falsas acusações. Ele disse que a decisão foi tomada em conjunto com o clube para “evitar distrações”.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Antony ficou no Brasil neste período, já que tinha sido chamado pelo técnico interino da Seleção Brasileira, Fernando Diniz, para as partidas válidas pelas primeiras rodadas das Eliminatórias da Copa do Mundo de 2026. Após a divulgação do caso, ele foi cortado da lista.

Assim como Antony, Mason Greenwood também foi acusado de violência contra sua namorada. Todavia, o inglês ficou sem jogar, e atualmente defende o Getafe, por empréstimo.