Alex Sandro bate o martelo sobre transferência para o São Paulo

Diante da situação contratual de Wellington, que até agora não demonstrou nenhuma evolução, o São Paulo está mapeando o mercado da bola em busca de um novo lateral esquerdo. O atleta citado possui vínculo com o clube até dezembro, e até agora não chegou  a um acordo por renovação.

As partes divergem no âmbito salarial, já que o defensor quer ser mais valorizado. Vale lembrar que ele poderá deixar o clube de graça no final da temporada, e já atrai interesse de outros clubes brasileiros, apesar de seu foco ser a Europa.

Diante disso, a diretoria são-paulina já foi atrás de um substituto. Trata-se de Alex Sandro, que defende a Juventus. O clube italiano já avisou que não renovará o contrato, válido até junho, e ele já pode assinar um pré-acordo com qualquer equipe interessada em seus serviços, chegando a custo zero. De acordo com informações divulgadas pelo jornalista Jorge Nicola, as notícias não são boas para o SPFC.

“Tricolor vai contratar um lateral-esquerdo a partir de julho, isso é certo. Já havia contado que o Tricolor está desanimado com a contratação de Alex Sandro. O Tricolor alega que procurou o lateral e ouviu que a ideia é continuar na Europa”, iniciou o jornalista, em vídeo divulgado em seu canal no Youtube.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Alex Sandro pode parar em Portugal, Estados Unidos ou Arábia Saudita, diz jornalista

Nicola revelou que o lateral já recebeu contatos de um time de Portugal no qual ele já atuou anteriormente, além de outros mercados alternativos. O Tricolor ainda não jogou a toalha, mas sabe que a situação é muito complicada. Diante disso, a tendência é ir atrás de outros nomes em breve.

“Ele tem proposta do Porto e possibilidades nos Estados Unidos e Arábia Saudita, e também espera por outros times da Europa. O São Paulo ainda não se retirou da jogada, mas vai aguardar uma posição do atleta para ver se vale a pena reabrir negociações”, finalizou Jorge Nicola.