Adriano Imperador decide voltar a jogar e acaba virando meme

Dono de impactante passagem pelo São Paulo em 2008, com 17 gols marcados em 28 jogos disputados, o ex-atacante Adriano Imperador roubou a cena durante uma partida amistosa de futsal envolvendo times dos também ex-jogadores Falcão e Emerson Sheik. Em certo momento do evento, Adriano não perdoou um de seus “rivais”.

Após tentar um drible no ex-lateral Gabriel, revelado pelo São Paulo e filho de Wladimir, ídolo do Corinthians, o Imperador acabou perdendo a bola para o ex-atacante Fernando Baiano. Sem pensar duas vezes, Adriano decidiu cometer falta e derrubar o amigo no chão, com os dois caindo na gargalhada após a jogada.

O lance, é claro, inundou as redes sociais. Conhecido por seu jeito irreverente, Adriano tornou-se meme de forma instantânea. Até mesmo na transmissão do jogo um dos comentaristas não deixou passar: “Isso aí é waza-ari, Didico. É judô, irmão. Nas ruas do Rio de Janeiro, a parada é a seguinte: ‘Eu vou dá-lhe uma banda'”.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Torcedores que acompanhavam a partida aproveitaram para apontar o motivo do “desequilíbrio” do Imperador: a bebida: “É muito teor alcoólico para poucas correntes sanguíneas”, disse um deles. Outro ainda completou: “Parece minha rapaziada quando inventa de jogar futebol depois de beber”.

Cria do Flamengo no início do século, Adriano viveu seu auge no futebol italiano. Por lá, tornou-se ídolo da Inter de Milão e ganhou a alcunha de Imperador. Em 2008, alegando problemas pessoais, retornou ao Brasil e defendeu as cores do São Paulo no primeiro semestre, levando o clube até as quartas de final da Libertadores.

Por fim, se curtiu a matéria não deixe de acessar com frequência o Portal do São Paulino.