Abel Ferreira diz o que pensa sobre o treinador do São Paulo

Neste domingo (4), São Paulo e Palmeiras se enfrentarão pela Supercopa do Brasil, a partir das 16h, no Mineirão, em Belo Horizonte. O torneio de final única reúne o campeão da Copa do Brasil com o vencedor do Campeonato Brasileiro.

Após a vitória por 1 a 0 contra o Red Bull Bragantino, o técnico do Palmeiras, Abel Ferreira, foi questionado sobre a decisão no domingo e como irá se preparar para enfrentar Thiago Carpini, contratado como substituto de Dorival Júnior.

“Tenho que ter muito cuidado com aquilo que vou dizer (risos). Ele conhece mais aquilo que eu faço do que eu a ele, eu sei. Acho que é um jovem treinador com muita capacidade. Sim [houve a ligação], não diretamente comigo, mas com um elemento da nossa comissão. Mas não quero falar muito sobre isso”, disse.

Vale lembrar que ambos se enfrentaram na final do Campeonato Paulista do ano passado. Na ocasião, Carpini dirigia o modesto Água Santa, e chegou a decisão depois de eliminar o próprio SPFC, nas quartas de final, e o Bragantino na semi.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

“Domingo estamos lá para ajudar os nossos clubes, não sou eu contra ninguém. É o Palmeiras contra o São Paulo como sempre foi. Sei que vocês gostam dessa rivalidade, não é problema meu. Se eu ganhar, vai ser normal. Se eu perder… não vou abrir, vocês são jornalistas e vão fazer seus trabalhos”, prosseguiu o português.

Carpini pode levar a melhor sobre Abel dessa vez

O clássico será uma oportunidade de Carpini “se vingar” pelo Estadual do ano passado, vencido por Abel. A poucos dias do embate, o português elogiou as duas equipes e disse que ambas chegaram a esse patamar por mérito.

“Vamos preparar domingo para uma decisão entre Palmeiras e São Paulo, mérito dos dois clubes, que ganharam suas competições. É sempre um título e uma final, então vamos nos preparar para ela a partir de amanhã“, finalizou.