18/12 – São Paulo acerta a contratação de goleiro

Como não é de hoje, o São Paulo busca investir o máximo possível de seus jovens atletas. Não é à toa que diversos jogadores formados nas categorias de base de Cotia se tornam grandes craques. Visando a continuidade, o Tricolor acompanha o nome de um goleiro de somente oito anos. A informação foi divulgada pela ‘Gazeta de Votorantim’.

Trata-se de João Miguel Castilho, nascido em Votorantim. O jovem vem chamando a atenção do Tricolor apesar da pouca idade. Por sinal, seu pai também é goleiro, mas não de times profissionais e sim de várzea, como o Santa Mônica e o Aliança. Seu avô também esteve envolvido no esporte, já que é um dos fundadores do primeiro clube citado.

Com somente cinco anos de idade, João deu início aos treinamentos no Chute Inicial Sorocaba. Em abril do ano passado, passou em uma avaliação no Parque São Jorge, mas não permaneceu por conta de problemas financeiros.

Apesar disso, ele não abriu mão do sonho de se tornar goleiro, e neste ano, fez sua estreia pela ASF Magnus Futsal. Foi o grande destaque na semifinal do Campeonato Paulista, quando salvou a equipe no gol e garantiu a classificação à decisão, na qual terminou em segundo lugar.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

João levantou seu primeiro título ao levantar a Série Prata do Campeonato Copa União de Clubes Futsal. Por conta das ótimas atuações, chamou a atenção de Rodrigo Zimerman, olheiro e coordenador do São Paulo, que realizou uma oferta para defender os times de campo e do futsal do Tricolor na próxima temporada.

O goleiro também é aluno da Escolinha Cafú e Felipinho, além da New Camp Academia de Goleiros. Chegou a disputar a Iberleague pelo São Paulo, e se enxerga cada vez mais no futuro como um grande nome da posição.

Entretanto, as dificuldades financeiras da família acabam sendo um empecilho para o início da carreira do jovem. Não é fácil arcar com os custos das viagens, alimentação e suplementação do jovem. Visando o melhor para João, a família está realizando rifas e pedindo apoio para manter o sonho de atuar no São Paulo.